Expected Goals (xG) em Apostas Esportivas

Algo que não pode ser ignorado por qualquer apostador que leva essa atividade a sério é saber utilizar o Expected Goals, ou conhecido em português por Expectativa de Gols ou em alguns casos Gols Esperados.

Se você não sabe o que é isso, Expectated Goals, ou simplesmente xG, é uma ferramenta tecnológica que explica um jogo de futebol através de estatísticas. Isso não é apenas usado por casas de apostas, há um uso interno por clubes de futebol que servem para moldar treinos e até montagem de elencos.

O xG é um indicador de performance, considerando que uma finalização (de cabeça ou arremate) tem chance de entrar no gol ou não.

Todos os parâmetros da finalização saem através de circunstâncias diferentes, como distância do chute, ângulo do chute, se o passe veio pelo chão ou pelo alto, se houve drible do jogador antes da finalização e muitas outras coisas que acontecem em um jogo de futebol. Isso são conhecidas como nuances, e se tornam pontos centrais para a métrica.

Tendo em vista que cada finalização tem chance de 0 a 1 de entrar no alvo, a soma de finalizações de cada time dentro das circunstâncias nos dá uma noção de “quantos gols deveriam ter saído”.

Portanto, o número do resultado nos dá uma ideia próxima da exatidão que um time teve de chances para marcar gols, cálculo feito através da influência por variáveis incontroláveis, inclusive uma delas sendo a sorte (ou falta dela mesmo).

Nada melhor do que mostra um exemplo disso de um jogo que a maioria de vocês (ou todos) se lembram. Falo de Brasil 1-2 Bélgica, na Copa da Rússia de 2018.

Twitter do 11tegen11 – Veja o conteúdo completo deste jogo aqui.

As métricas xG de Brasil x Bélgica foi de aproximadamente 2,45 a favor do Brasil contra 0,5 da Bélgica. Com esses números, qualquer time com a métrica do Brasil vs jogando contra a métrica da Belgica, teria sempre 84% de chances de vencer a partida. Mas o Brasil não teve sorte (ou parou na competência de Courtois) para fazer 3 ou mais gols.

E como fazem o cálculo do expected goals? Acho que responder isso não cabe a este texto, pois seria uma explicação muito grande, e o propósito dele é explicar como o apostador deve beneficiar-se disso. Mas caso queiram saber como fazem o cálculo, sugiro que cliquem aqui.

Voltando, xG é uma ferramente poderosa para apostadores, pois ela dá uma ideia de como uma partida pode se desenrolar.

Algo básico é você abrir um site de resultados para ver a quantidade de pontos, vitórias, derrotas, gols marcos e sofridos, outra é ter ideia de como a equipe está construindo esses números, pois a vitória pode ser “enganadora” como a da Bélgica sobre o Brasil, ou como o Chelsea fez contra o Barcelona em 2012 pela Liga dos Campeões.

Através do Expected Goals se calcula também a distribuição e concentração do jogo, mostrando como cada time jogou e está jogando.

Com isso você têm uma ideia de como as equipes estão se comportando, para onde a partida está se concentrando e o que cada jogador está fazendo/produzindo.

Expected Goals e as apostas esportivas

O que você deve saber é que quando se trata de números, as casas de apostas sempre estarão um passo à frente de pelo menos 99,9% das pessoas, e geralmente esses 0,1% que estão à frente das casas são convidadas para trabalharem para as casas.

Então, saiba que as bookmakers e os sindicatos de apostas têm usado xG há anos, isso mostra que usar esses para escolher auxiliar suas apostas é uma excelente ideia.

Porém, sendo totalmente sincero, não pense que por saber disso você estará à frente das casas. Não fique achando que encontrou uma mina de ouro. O que você tem em mãos é uma ótima ferramente que lhe dá uma ideia de como as equipes estão se comportando de jogo para jogo e também como cada jogador está produzido naquele momento com aquela formação.

Com isso você terá uma arma forte, que se bem usada pode lhe render frutos. Eu por exemplo tenho anotações em cadernos (prefiro o papel) do xG de muitas equipes com a formação titular, com o principal jogador envolvido ou não.

Logo, quando o principal jogador não está em campo, o xG do time costuma não ser tão bom. Quando o defensor ou determinado marcador não está em campo, o xGa contra seu time aumenta. Isso são coisas que me ajudam a tomar melhores decisões.

As métricas xG utilizadas pelas casas de apostas são mais avançadas do que qualquer coisa que você ou eu possamos encontrar na net de forma pública. Mas não desanime quanto a isso. Saiba que uma das coisas que influenciam o movimento das odds é o dinheiro que os apostadores colocam, e a esmagadora maioria jamais ouviu falar de expected goals.

Todo dado que você pode utilizar para formular sua leitura é algo válido, é uma ferramenta a mais para suas análises. E como subestimar uma ferramenta que justifica quem foi superior em um jogo determinado jogo, independentemente do placar final?

O resultado de uma partida em si não conta a história de como aquela partida aconteceu, então um time que “amassou” o adversário e perdeu, pode vir a ser uma boa aposta contra outro time que foi “amassado”.

Expected Goals e apostas na prática

Mais acima disse que não iria explicar neste texto como calcular o xG, pois é algo extremamente longo. E a menos que você tenha um bom nível em programação e conhecimento estatístico, além de um grande banco de dados das competições que você aposta, você não irá conseguir.

Mas felizmente há muitos sites e twitters por aí que compartilham suas métricas. Um site que eu gosto muito é o https://understat.com/, que atualiza seu banco de dados todos os dias. E por lá você dá seus primeiros passos sobre xG.

Neste site há muitas métricas. Por exemplo, vamos pegar o último jogo do Manchester United da temporada 2018/19 da Premier League, em que perderam em casa por 2-0 para o já rebaixado Cardiff.

O Man Utd teve 1.90 em xG contra 1.71 do Cardiff e mesmo assim perdeu por 2-0, sem marcar um único gol. Em deep vimos que o Man Utd completou muitos passes próximos ao gol adversário e em PPDA a quantidade de passes dados pelos zagueiros adversários em seu próprio campo de ataque.

Em números o United jogou melhor, mas o Cardiff mesmo se fechando e jogando com menos intensidade conseguiu marcar 2 gols e criar um xG de 1.71 contra 1.90, que cá entre nós é algo close.

O que eu interpreto com isso? Que neste jogo o Man Utd simplesmente daria chances de gols ao rival, e sabendo seu histórico, eles na verdade concedem muitos gols. O United simplesmente sofreu gols seguidamente nos últimos quinze jogos anterior a esse.

A dica que dei para este jogo no Dica de Aposta foi Cardiff over 0.75 Gols. Levei em conta os xGa dos últimos jogos do United (procurando por isso neste próprio site ou em outros), além fatores peculiares que são encontrados em cada partida.

Usei o site understad como exemplo, mas há vários outros pela internet e tantos outros com informações compartilhadas no twitter. Outro bom site é o OPTAsports.

O que faço com as métricas de xG que tenho?

Cada estatística de xG destaca uma performance. Há muitas, e por isso criei um glossário que pode ser visto no fim do texto. Como possuo um pouco mais de experiência que você leitor, já sei como interpretar as métricas que recebo, e na minha análise sempre levo em conta coisas peculiares de cada time. Vou ser mais claro.

xGa é um número de gols que um time “deveria” conceder. Na temporada de 2017/18 da Premier League, o Manchester United sofreu um total de 28 gols e isso os ajudou a terminar com a vice-liderança. Mas o xGa do time durante toda temporada foi de 43,54, o que dá uma diferença de 15,54 gols (28 gols cedidos + 15,54 que “deveriam” conceder). E o motivo para concederem menos gols está no goleiro De Gea, que para mim fez a melhor temporada de um goleiro naquela competição.

Assim, embora eu sabia que o xGa do United poderia me guiar para um lado, um lado em que o time provavelmente sofreria gol, sempre levei adiante o quão forte era ter De Gea debaixo das traves.

Outro exemplo. O Athletico PR de Tiago Nunes é um time que dentro de casa possui um xG muito bom, mas jogando fora de casa esse xG diminui bastante, e o que aumenta é o xGa. Então quando o Furacão visitava uma equipe que geralmente tinha um bom xG, minha aposta poderia ser em gols ou em vitória desta equipe.

Acima coloquei dois exemplo de como interpreto essas linhas, mas posso escrever mais exemplos de como faço. E como disse, possuo anotações em cadernos e isso me auxilia nas minhas apostas.

É só isso?

Não, definitivamente não é só isso. Vocês já ouviram falar em Possion? Pois é, clique na palavra para saber o que é. Se você já sabe o que é e como calcular, apenas siga em frente.

Mas antes devo dizer que com Poisson é possível calcular expected goals, porém, só com dados concretos que você possui (pegando dados de tabelas, por ex). Mas o que eu coloquei neste texto sobre xG vai além de dados concretos.

Uma vez que eu defini uma aposta através dos dados xG, tenho que saber se a odd está do meu lado, se possuo valor, se aquela é uma aposta +EV.

Calculando Poisson você terá o resultado de seus dados concretos e pode fazer a odd se transformar em porcentagem. Com o expected goals você terá uma outra visão, transformando o que tem em odds e então em porcentagem. Assim você saberá quando entrar ou não em algo que possui valor.

Usei muito isso durante a Copa do Mundo e em grandes jogos do futebol europeu, como partidas da Liga dos Campeões.

Apostar em gols da França contra a Argentina na Copa, do Ajax contra o Real na Espanha e do Man Utd contra o PSG na França, são algumas que fiz fazendo os cálculos acima. Essas apostas me renderam um bom e confortável lucro.

Se você precisa de ajuda e quer saber mais, deixe uma mensagem na caixa de diálogos abaixo.

IMPORTANTE!!!

De nada adiantará fazer isso sem você apostar em uma casa com boas odds. Sugiro que aposte na Pinnacle Sports. Abra sua conta clicando aqui ou no banner abaixo e nos ajude:

– Glossário Expected Goals

xG, PPDA, Deep, xPTS e tantas outras siglas fazem parte de uma maneira geral desta métrica. Então por isso um glossário:

xG (Expected goals) – Número de gols que um time ou determinado jogador deveria ter marcado em base na qualidade e quantidade do arremate (cabeça ou chute).

xGa (Expected goals against) – Número de gols que um time deveria conceder em base base na qualidade e quantidade do arremate.

(xA) Expected goals assisted – Número de assistências que um jogador deveria ter sobre a qualidade de seus passes para arremates.

(xPts) Expected points – Número de pontos que se espera de um time deveria ter em base do seu xG.

(PPDA) Passes Allowed Per Defensive Actio – Passes permitidos pela defesa da equipe.

DEEP – Passes completados dentro da grande área adversário com a exclusão de cruzamentos.

Você precisa saber as siglas para interpretar os números que irão ver sobre Expected goals.

Última atualização

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *