Figueirense x Vila Nova – 05/11

Figueirense x Vila Nova
05/11 – 20h30 (Horário de Brasília)
Brasileirão Série B

PALPITE

Mais de 2 Gols @ 2,125 na BET365

PROGNÓSTICO

Figueirense e Vila Nova será um “duelo de 6 pontos”, onde o vencedor irá afundar o outro na tabela de classificação.

Os catarinenses ocupam a 17º posição com 33 pontos, 2 a menos que o Londrina, primeiro time fora do Z-4. O Vila Nova está na décima nona posição com 31 pontos ganhos.

A sensação inicial é de que uma aposta em vitória do Figueira é a boa. Eles atravessam um momento de cinco jogos seguidos sem derrota, com duas vitórias. Nos últimos dois jogos em casa os resultados foram vitória sobre o América por 2-1 e empate em 2-2 com o Criciúma, este considerado um resultado frustrante, pois o Figueirense abriu 2-0 e cedeu empate com gols aos 84′ e 89′.

O Vila Nova está caindo aos pedaços. Eles não fazem um jogo confortável há muito tempo e sofreram gol em nove dos últimos dez jogos. Eles que um dia foram um visitante indesejável, atualmente atravessam uma sequência de três derrotas seguidas, perdendo para São Bento por 3-1, América por 2-0 e Bragantino por 3-1.

Dos times que estão no Z-4, o Vila Nova é o que menos poder de reação tem, mas o que se propõe a fazer um jogo ofensivo.

O goleiro do Vila, Rafael Santos, será substituído por Alan Bernardo. Rafael Santos está sendo bastante criticado pelos torcedores e disputou a imensa maioria dos jogos do time no ano. Alan Bernardo será utilizado pela primeira vez. Acho essa uma atitude extremamente ousada, com chances de dar errado maiores do que dar certo.

A linha de gols asiática está em 2. Eu gosto de over. Nos últimos dois jogos do Figueirense houve dois empates por 2-2 e dentro de casa houve Over 2.5 Gols nas cinco últimas partidas, nas sete últimas partidas do Vila Nova houve no mínimo 2 gols marcados.

Por que não vitória do Figueirense? É uma aposta que gosto, mas não acho que a odd em 1.95 me faria apostar neles sabendo do tanto de over que vem acontecendo.

ÚLTIMO PALPITES

Última atualização